Abertura de Safra 2018/2019 traz a João Pessoa autor do RenovaBio

Na última quinta-feira, 16 de agosto, estiveram reunidos no auditório da Asplan políticos e nomes importantes na cadeia do setor sucroenergético da PB, durante o evento de Abertura de Safra, das 8h:30 às 17h.

O evento teve uma abertura solene que contou com a participação de diversos políticos (fotos na galeria abaixo), entre eles o Deputado Federal de SP, Evandro Gussi, autor do RenovaBio. O deputado afirmou que “a ocasião foi muito importante para se conseguir popularizar o RenovaBio dentro do próprio setor. Ele é uma política absolutamente inovadora que garante previsibilidade e organização do mercado de biocombustíveis, mas que vai demandar o trabalho de toda a cadeia produtiva, então nada mais importante do que a preparação, no tempo certo, para que o RenovaBio aconteça na prática. Por um lado as agências governamentais, o Ministério de Minas e Energia, oferecem a sua parte construindo uma regulamentação numa perspectiva muito séria, e por outro lado o setor, compreendendo cada vez mais a janela de oportunidade que significa o RenovaBio, se prepara para, atendendo as exigências, aproveitar todas as potencialidades que o RenovaBio oferece”.

Já o também Deputado Federal, desta vez da PB, André Amaral, destacou a importância do setor para a economia do estado: “As pessoas precisam saber o quanto a cana movimenta a nossa economia e leva dignidade a todos os que participam desta cadeia produtiva”.

O Dr. Antônio de Pádua, diretor técnico da UNICA, abriu as palestras abordando o tema “Desafios dos Produtores de Etanol e a Descarbonização com o RenovaBio”. Para ele, “por ser um assunto em fase de regulamentação, é muito importante ter oportunidades como esta, para se passar a toda cadeia produtiva que vem aí uma nova realidade, que leva em conta a preservação ambiental”.

Para o presidente do Sindalcool, dr. Edmundo Barbosa, “este foi além de um evento de abertura da safra para uma reflexão sobre as perspectivas de mercado e a valorização dos outros biocombustíveis, além do etanol”. Foi o caso, por exemplo, da palestra proferida por Alessandro Gardemann, presidente da ABIOGÁS – Associação Brasileira de Biogás e Biometano, com o tema “Potencial do Biogás com o RenovaBio”.

Também foram proferidas palestras com dr. Gilvan Celso Cavalcanti (Miriri), dr. Guilherme Nastari (Datagro), dra. Rachel Martins (EPE), dra. Amanda Duarte (Rede Nacional de Pesquisas do Bioquerosene), dr. Onofre Andrade (Boeing) e dr. Alisson Brito (UFPB), entre outros convidados especiais.

No final do evento foi apresentado pelo dr. Alisson Brito o drone elétrico de asa fixa desenvolvido pela UFPB em parceria com o Engenho São Paulo, projetado para percorrer grandes áreas para monitoramento agrícola detectando pragas, escassez hídrica, entre outras anomalias. Esta nova ferramenta de trabalho chamou muito a atenção de todo o publico.

Dr. Edmundo conclui lembrando que “com a aprovação pela ASTM de uma rota de produção de bioquerosene a partir do etanol, as empresas se movimentam para que ocorra a introdução desse produto em breve, e isso é muito atraente porque o valor do bioquerosene é bastante superior ao preço do etanol veicular, então dá uma remuneração mais interessante para os produtores”.

Mais informações sobre o evento no link logo após as fotos:

http://asplanpb.com.br/2018/08/21/autor-do-renovabio-prestigia-evento-de-abertura-da-safra-2018-2019-na-paraiba-e-diz-que-projeto-foi-construido-a-muitas-maos/

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *